Quatro médicos morrem por Covid-19 em 24 horas na Capital

Share:

Quatro médicos morreram por Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, em João Pessoa, entre essa terça (15) e esta quarta (16). Desde o mês de março deste ano, quando foi confirmado o primeiro caso de Covid-19 na Paraíba, 896 médicos paraibanos foram infectados pelo patógeno. Esse número representa mais de 10% da quantidade de médicos ativos no estado (8.729).

Na Paraíba, dos quase 4 milhões de habitantes, 154.734 pessoas já contraíram a Covid-19. Ou seja, na população em geral, em torno de 3,8% foram acometidos pela doença. Os dados são do Boletim Epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES), divulgado nessa terça-feira (15).

Do total de médicos que tiveram a Covid-19, 20 faleceram por conta da doença, sendo quatro óbitos nas últimas 24 horas. “Os médicos e os demais profissionais de saúde estão mais expostos à contaminação pelo novo coronavíurs. Estamos profundamente tristes e abalados com o crescente número de infecções em nosso estado e pelo acometimento e falecimento de tantos colegas”, afirmou o presidente do CRM-PB, Roberto Magliano de Morais.

Ele ressaltou o que o CRM-PB já vem alertando para o problema. “A transmissão da Covid-19 na Paraíba vem crescendo de forma rápida, hospitais públicos e privados estão chegando ao esgotamento de sua capacidade, mas continuamos vendo aglomerações e falta de respeito às normas sanitárias, como a falta do uso de máscaras e a não higienização das mãos”, completou.

O presidente do Sindicato dos Médicos da Paraíba (Simed-PB), Márnio Costa, lamentou pela morte dos médicos e emitiu pesar. “A perda desses profissionais representa muito mais do que a falta, daqui em diante, dos serviços médicos prestados. Representa sofrimento, dor e a perda para uma família inteira”, disse.

“O Simed recomenda e alerta a sociedade e os profissionais médicos que sigam as recomendações sanitárias e mantenham os cuidados e as regras de distanciamento social”, finalizou o presidente da entidade.

No Instagram, o Simed-PB divulgou o perfil dos quatro médicos que morreram nas últimas 24 horas e prestou homenagens. Veja aqui.


PORTAL CORREIO