Não há mal que sempre dure; EDGLEI AMORIM

Share:


Estamos diante de uma doença que mata, mas algumas pessoas parece que já estão mortas de amor, de respeito, de compaixão e de humildade, concordam comigo?
Qual a razão de tanto ódio e frustração se tudo passa? Não há mal que sempre dure, nem bem que não se acabe. A vida é cíclica em quase tudo. Cuidado nas sementes lançadas. A lei da semeadura não perdoa um réu sequer.
Devemos ter medo de gente assim, porque da boca sai o que tá cheio o coração. Orem e rezem para que DEUS nos guarde desse mal chamado corona vírus e dos homens maus que se chamam inveja.