LDO 2020: Bancada da PB define duplicação da BR-230, 3º eixo da transposição e dragagem do Porto como prioridades

Share:

Em reunião mantida na tarde desta terça-feira (3), no Congresso Nacional, a bancada federal da Paraíba definiu as indicações de emendas para a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), referente ao exercício financeiro de 2020. Foram escolhidas como prioridades para o Estado a conclusão duplicação da BR-230, entre Campina Grande e Cajazeiras; a construção do terceiro eixo da transposição do Rio São Francisco, ou seja, do sistema adutor ramal Piancó; e a nova dragagem de adequação da navegabilidade no Porto de Cabedelo.
Estiveram presentes o senador José Maranhão (MDB), o coordenador da bancada, Efraim Filho (Democratas); e os deputados Ruy Carneiro, Edna Henrique e Pedro Cunha Lima (PSDB), Frei Anastácio (PT), Aguinaldo Ribeiro (PP), Hugo Motta (PRB), Julian Lemos (PSL), Wilson Santiago (PTB) e Damião Feliciano (PTB).

DUPLICAÇÃO

O projeto de duplicação da BR 230, entre Campina Grande e Cajazeiras, pretende dar mais segurança no trânsito da região. A projeção é de início das obras do trecho que compreende Campina Grande e a Comunidade Farinha na Praça do Meio do Mundo, um dos acessos ao Cariri do Estado. Este trecho é considerado o trecho mais complexo da rodovia com intenso tráfego de veículos.

TRANSPOSIÇÃO

Outra proposta a ser incluída na LDO é o sistema adutor ramal do Piancó na região Nordeste. A construção do Sistema vai alimentar o açude Coremas Mãe D’Água responsável pelo abastecimento de cerca de 50 localidades, inclusive vilas, povoados do semiárido paraibano, com a finalidade e aumentar a oferta hídrica para o consumo humano, comercial e agrícola.

PORTO

A emenda de bancada acordada nesta reunião dos congressistas paraibanos para a dragagem de adequação da navegabilidade no Porto de Cabedelo significa realização de um trabalho que ampliará a competitividade atraindo novos negócios e otimizará a estrutura logística, atendendo a indústria e o comércio marítimo realizado entre os portos da costa brasileira.
“Vale lembrar que que a LDO estabelece as diretrizes para a elaboração do Orçamento da União que será encaminhado pelo Executivo, ao Congresso Nacional, em agosto”, explicou o coordenador da bancada, deputado Efraim Filho.
Ele ressaltou a união dos congressistas em torno destas emendas, o que vai levar à Paraíba obras estruturantes para o desenvolvimento socioeconômico.
WSCOM